Na nova era da comunicação, dialogar com outras pessoas vai muito além das conversas frente a frente. São inúmeras as opções para chegar até quem você precisa: telefone, e-mail, chat pelo celular, redes sociais.

Essa variedade canais tem um papel fundamental na técnicas de vendas Social Selling.

O Social Selling é a técnica de vendas que inclui as redes sociais nos processos de interação com o futuro cliente.

São basicamente as ações que envolvem as relações entre empresas e leads em um meio digital, com o objetivo de potencializar a venda de um produto ou serviço.

Ou seja: aplicar Social Selling é ampliar sua estratégia de Inside Sales para meios como o Facebook, LinkedIn, blogs e chats, produzindo conteúdo de qualidade e se aproximando de seus prospects a partir de uma interação direcionada e cuidadosa.

Conhecido também como Venda Social, é uma das técnicas mais atuais e pertinentes para se relacionar com os prospects da sua empresa, agregando às estratégias de outbound e fluxo de nutrição automatizados.

Aplicando Social Selling

Já falamos aqui no blog sobre como é importante entender as necessidades do cliente para levar a ele informações úteis de como seu produto ou serviço pode ajudá-lo.

Para uma venda consultiva, é essencial identificar as lacunas que o prospect pode apresentar e trabalhar a partir de soluções que fundamentem o processo de vendas. A regra se aplica também para o Social Selling.

Segundo o expert no assunto Jill Rowley, “Social Selling é sobre usar a mídia social para criar interações melhores com prospects e clientes”.

A ideia principal é gerar relacionamentos duradouros, baseados no interesse do lead e no aprimoramento da abordagem de venda.

Isso significa que a melhor forma de aplicar o Social Selling é usar as mídias digitais para aprender mais sobre seu cliente.

Explorar as ferramentas disponibilizadas pelos novos meios, por exemplo, pode ser uma forma de gerar resultados para o relacionamento da equipe de vendas com um público em potencial para sua empresa, ampliando as possibilidades de conversões e fechamento de negócios.

Se a melhor forma de enviar uma mensagem a um amigo hoje é por meio dos canais sociais da internet, provavelmente essa também é a maneira mais fácil de chegar a seu cliente.

Basta ter bom senso e saber analisar as funcionalidades, linguagens e perfis de cada um dos meios digitais existentes.

Leia também: 10 ferramentas para gerar Leads no LinkedIn

 

DIAGNÓSTICO GRATUITO

Social Selling como estratégia

Uma pesquisa da Sales for Life mostrou que 81% das equipes de vendas estão usando Social Selling atualmente, e que os resultados dessas ações representam um aumento de até 15% em conversões, comparadas a ações aleatórias nas redes sociais.

Adotar práticas de interação via mídias digitais é, portanto, uma tendência que gera mais vendas, uma vez que direciona a abordagem e personaliza ainda mais o relacionamento com os leads.

O importante, ao montar sua estratégia de Social Selling, é priorizar uma interação que foque no ganho do cliente, ou seja, que tenha como intenção primordial um relacionamento de qualidade.

Dessa forma, a venda acaba vindo como consequência de uma apresentação direcionada das vantagens do produto e do aumento progressivo da confiança do cliente nos serviços da empresa.

Valorize um conteúdo de qualidade, uma análise detalhada do perfil de cada rede social e o uso das ferramentas corretas para monitorar as ações.

Identifique os canais onde seu prospect está mais presente e utilize-os para tirar insights e conhecer melhor seus hábitos e interesses, aprimorando também os demais contatos que serão feitos ao longo das ações dentro do fluxo de nutrição.

Leia também: Fluxo de Nutrição: o que é e sua importância no processo de vendas

Se quiser conhecer mais sobre a aplicação do Social Selling entre em contato conosco.

Ebook perfil linkedin

 

Sales Hackers

Consultoria para
Crescimento Escalável
 

Feito com amor  na Ilha do Silício

Todos os Direitos Reservados

Vendas Social Selling: O que é e como aplicar