Vendas

Inscreva-se em nossa newsletter!

Receba conteúdos gratuito e exclusivos!

Matriz SWOT: o que é e como ela pode ajudar o seu negócio

Por Michelle Araujo | 2 de fevereiro de 2022
 Matriz SWOT: o que é e como ela pode ajudar o seu negócio

Utilizada por grandes corporações em todo o mundo, a Matriz SWOT, também conhecida como Análise SWOT, é uma ferramenta muito útil para empresas de todos os portes. Mas como funciona e quais são os seus reais benefícios? Se você ainda tem dúvidas como essas, então está no lugar certo!

Neste artigo iremos apresentar os principais aspectos dessa ferramenta importante do Planejamento Estratégico e exemplos de sua aplicação nas organizações. A ideia é que, ao compreender de forma mais prática o seu uso, você seja capaz de utilizar a Análise SWOT para fundamentar as estratégias do seu negócio e melhorar a participação de sua empresa no mercado.

Como veremos mais detalhadamente a seguir, após realizar a Matriz SWOT, você e sua equipe serão capazes de descobrir como:

  • Potencializar as Forças;
  • Reduzir as Fraquezas;
  • Preparar-se para enfrentar as Ameaças;
  • Aproveitar as Oportunidades.

Você encontrará as seguintes informações neste artigo:

  1. O que é a Matriz SWOT?
  2. Conheça os quadrantes da Matriz SWOT
    • Força (Strengths):
    • Oportunidades (Opportunities): 
    • Fraquezas (Weaknesses): 
    • Ameaças (Threats): 
  3. Por que é tão importante fazer?
  4. Cuidado ao realizar a Matriz SWOT
  5. Exemplos de perguntas para fazer sua Matriz SWOT:
    1. Reconhecendo as Forças
    2. Descobrindo as Fraquezas
    3. Prevendo Oportunidades
    4. Prevenindo Ameaças
  6. O cruzamento dos dados da Matriz
  7. Exemplos de Análise SWOT
    1. Matriz SWOT pessoal
    2. Matriz SWOT em empresas
      Como a Coca-Cola utiliza a Matriz SWOT
      Como é o quadrante da Matriz SWOT da Microsoft
      Conheça o quadrante da Apple
  8. Conclusão

O que é a Matriz SWOT?

A matriz de análise SWOT é uma das mais conhecidas ferramentas de Planejamento Estratégico que existem. A sigla, traduzida para o português, fica ‘FOFA’ e significa Força, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças (Strengths, Weaknesses, Opportunities, Threats).

Uma matriz SWOT/ FOFA pode ser tanto utilizada para uma análise organizacional como para auxiliar no desenvolvimento pessoal de um indivíduo. Para que a sua aplicação seja correta, é necessário que se divida os ambientes internos e externos, definindo os fatores que podem ser controlados e os que não podem ser controlados.

Forças e Fraquezas estão relacionadas a características do ambiente interno, possíveis de serem resolvidos. São exemplos de questões internas relacionadas à organização: relações entre pessoas, recursos, procedimentos e patrimônio. 

Já as Oportunidades e Ameaças têm relação com o ambiente externo. São situações em que a organização possui pouco ou nenhum controle e influência sobre, como variações no mercado, competições e mudanças na macroeconomia.

Conheça os quadrantes da Matriz SWOT

Os quatro quadrantes que fazem parte da análise da Matriz SWOT são os seguintes:

Força (Strengths)

São características de Força as que trazem vantagens competitivas para a empresa, pontos internos de relevância que chamam atenção. Por exemplo: atendimento diferenciado, processos mais eficientes, etc.

Oportunidades (Opportunities): 

As Oportunidades são as chances que a empresa tem de se expandir ou de realizar qualquer negócio que seja positivo para a organização. Para aproveitá-las, é importante ter atitude e estar sempre atento ao desenvolvimento do mercado e suas tecnologias. A empresa que aproveita bem suas oportunidades aumenta sua competitividade em seu segmento e ressalta seus diferenciais.

Fraquezas (Weaknesses): 

Também aspectos internos da empresa, voltados a questões de relacionamento e procedimento. É importante estar atento a esses fatores de fraqueza e buscar constantemente por melhorias. Neste momento é ainda mais importante que a análise seja feita com franqueza, para que sejam realmente levantados os pontos mais sensíveis da organização.

Ameaças (Threats): 

São fatores externos que podem prejudicar a empresa, como falta de abastecimento, mão de obra, dentre outros. Os gestores responsáveis devem constantemente estar em alerta ao mercado e suas condições para amenizar ao máximo o impacto que essas ameaças apresentam. 

Por que é tão importante fazer Matriz SWOT?

Você provavelmente deve estar se perguntando: “Por que eu preciso realizar toda essa dinâmica de levantamento de informações e dados seguindo essa matriz e não de forma autônoma?” A resposta é que você não precisa. Mas, certamente, sua análise sem a Matriz SWOT não te dará toda a visualização de cenários necessária e talvez você seja surpreendido. 

A observação dos ambientes internos e externos terão suas informações cruzadas com essa ferramenta, de maneira a formular sua estratégia de maneira mais organizada e concisa. Dedicando-se a investigar os quadrantes da Matriz SWOT você e sua equipe serão capazes de:

  • Potencializar as Forças, 
  • Minimizar as Fraquezas, 
  • Preparar-se para contornar as ameaças
  • Aproveitar ao máximo as Oportunidades do mercado.

A Matriz SWOT traz inúmeros benefícios, dentre eles um embasamento mais profundo para suas tomadas de decisão, assim como compreender e observar de maneira mais clara os componentes externos, como o mercado e a concorrência, traçar expectativas mais realistas e construir estratégias mais eficientes. 

Cuidado ao realizar a Análise SWOT

A utilização dessa ferramenta é útil tanto para a criação de uma microempresa quanto para a gestão de uma multinacional. Este é um mecanismo extremamente fácil e útil para a gestão empresarial e só trará vantagens

E, apesar de muito simples, sua execução demanda extrema atenção dos gestores e seu completo envolvimento. Vale ressaltar que, para a Análise SWOT ser completamente eficiente, é primordial que toda a empresa participe ativamente de sua elaboração.

Uma análise feita por apenas uma pessoa aumenta a chance de sair enviesada, por isso, é tão importante que o levantamento seja feito em conjunto e que o responsável por sua implantação organize um cronograma para realizar reuniões que envolvam todos os departamentos da empresa e seus sócios. 

É primordial que todos sejam extremamente sinceros e realistas, para que nenhum problema seja mascarado e nenhuma oportunidade, desperdiçada. 

Exemplos de perguntas para montar sua Matriz SWOT

Antes de começar a preencher os quadrantes da Matriz SWOT, o ideal é que os líderes e colaboradores se reúnam para responder questões importantes. Reunimos, abaixo, alguns exemplos de perguntas que as equipes podem se fazer durantes as reuniões de Planejamento Estratégico:

Reconhecendo as Forças

  • O que a sua empresa faz bem?
  • Quais são seus melhores recursos (financeiros, físicos, de pessoal)?
  • Seus colaboradores são engajados?
  • Sua marca é conhecida ou tem credibilidade no mercado?
  • Qual a maior vantagem que a sua empresa tem em relação à concorrência?
  • Por quais motivos os seus clientes voltam a consumir seus produtos e/ou serviços?

Descobrindo as Fraquezas:

  • O que precisa ser melhorado (na produção, na gestão, no atendimento, no produto, no posicionamento, etc)?
  • Quais as áreas mais desmotivadas da empresa?
  • Em que departamentos os colaboradores estão precisando de mais capacitação?
  • O que faz o cliente preferir a concorrência?
  • Quais as maiores dificuldades ou deficiências de seu time?

Prevendo Oportunidades

  • Há alguma inovação tecnológica em vista que pode ser aproveitada pela empresa?
  • Nos cenários político e econômico, há mudanças que possam ser favoráveis?
  • Como está a receptividade do público-alvo para o seu setor? Há mudança de comportamento em vista?
  • Há alguma falha na concorrência?

Prevenindo Ameaças

  • Como está a concorrência, há sinal de novas empresas surgindo?
  • Existem possibilidades de mudanças na legislação que afetem nosso setor de atuação?
  • Há previsões de pandemias, catástrofes, mudanças climáticas ou guerras?
  • A mão de obra de nosso setor está despreparada ou escassa?
  • Há novas tecnologias no setor que podem deixar nossos produtos ou serviços ultrapassados?

Esses foram apenas alguns exemplos de perguntas que podem ser feitas para levantar reflexões, estudos e discussões sobre qual a real situação de sua empresa, tanto internamente quanto externamente, frente à concorrência e ao mercado. Quanto mais perguntas forem levantadas e respondidas com honestidade, maior a chance de obter resultados efetivos com a sua Matriz SWOT.

Após preencher os quadrantes, a etapa seguinte é ranquear cada item levantado. Procure listá-los por ordem de importância, isso facilitará o processo.

O cruzamento dos dados da Matriz

Agora chegou a hora de colher os resultados dos levantamentos, anotar os insights e partir para o plano de ação.

Nesta etapa,  chamada de SWOT cruzada ou análise TOWS, você vai correlacionar os itens do ambiente interno com os dos ambiente externo. Este é o momento de se perguntar:

  • Como as forças da empresa podem protegê-la das ameaças?
  • Como as forças podem potencializar as oportunidades?
  • Como as fraquezas podem minar as oportunidades?
  • Como as fraquezas podem deixar as ameaças ainda maiores?

A partir dessas respostas será possível tirar conclusões e realizar seu Planejamento Estratégico, planejando as ações que sua empresa pode realizar para colher os melhores resultados. Lembre-se de estabelecer prazos e metas para que as coisas realmente saiam do papel.

A seguir, apresentaremos bons exemplos de marcas mundialmente famosas que aplicam os recursos da Matriz SWOT em sua gestão de forma muito clara. Também veremos algumas formas de aplicação.

Exemplos de Análise SWOT

Os principais exemplos para aplicação da análise SWOT são, principalmente, para empresas e para o âmbito social de um indivíduo. Abaixo, exploraremos essas condições para exemplificar tudo que foi exposto até aqui. 

Matriz SWOT pessoal

Além da análise SWOT em pequenas, grandes empresas e multinacionais, ela também pode ser aplicada no âmbito da vida pessoal. Sendo uma ferramenta que se faz extremamente útil para tomadas de decisões, como: largar o emprego, se mudar, viajar, entre outras. Pode ser bem interessante utilizar esse recurso para tomadas de decisões importantes tanto de sua vida pessoal como profissional, já que dessa forma você estará mais bem preparado(a) para qualquer adversidade que possa surgir e, ainda, aproveitar bem as oportunidades que aparecerem. 

Matriz SWOT em empresas

Como a Coca-Cola utiliza a Matriz SWOT:

  • Forças: Marketing e publicidade forte, clientes fiéis.
  • Fraquezas: Foco em um tipo de bebida (carbonatada), com muitas submarcas de produtos semelhantes.
  • Oportunidades: Aumento do consumo de bebidas no mercado, inclusive águas em garrafa.
  • Ameaças: Leis que estipulam informações de componentes negativos no rótulo, mudança de preferência de seus consumidores, escassez de água, etc.

Uma gigante como a Coca-cola precisa manter seu estudo de ambiente interno e externo como um fator constante, para que possa se adaptar às mudanças de forma quase instantânea e manter-se acompanhando o mercado, seu crescimento e modificações. 

Como é o quadrante da Matriz SWOT da Microsoft: 

  • Forças: Vasto alcance no mercado, sendo o sistema operacional mais utilizado no mundo.
  • Fraquezas: Falta de inovações e aquisições que não funcionaram.
  • Oportunidades: Indústria de Smartphones, armazenamento em nuvem e uso de inteligência artificial.
  • Ameaças: Competição forte no mercado e mudança de preferência dos consumidores.

A Microsoft é uma empresa que está no mercado desde 1975 e se mantém se adaptando e entregando ainda seu serviço da melhor forma. A maior questão que gira em torno dessa marca, seus produtos e serviços é o avanço tecnológico que as mudanças têm demandado, inclusive com concorrentes à altura. Uma das grandes e principais concorrentes da empresa hoje é a Apple, que veremos a seguir. 

Conheça o quadrante da Apple: 

  • Forças: Conteúdo de mídia, presença global e marca consolidada no mercado.
  • Fraquezas: Sistemas operacionais exclusivos e necessidade de figuras centrais.
  • Oportunidades: Mercado de games, Streaming de conteúdo e carregamento de bateria.
  • Ameaças: Competição forte, desaceleração da economia de mercados importantes e processos judiciais.

É muito interessante observar o quadrante dessas duas empresas concorrentes, pois fica bem claro que, apesar de serem do mesmo segmento, são organizações bem distintas e com detalhes peculiares. A análise SWOT visa trazer justamente a característica própria de cada empresa para um estudo mais profundo de suas demandas e ausências. 

Conclusão

A Matriz SWOT é uma ferramenta muito utilizada tanto em pequenas empresas que estão iniciando quanto em multinacionais que, a cada ano, garantem a sua posição num mercado extremamente competitivo. Fácil e eficiente, ela é uma etapa importante do Planejamento Estratégico para organizações que querem melhorar seu posicionamento e alcançar fatias cada vez mais importantes do mercado.

Para empresas iniciantes, é ótima para trazer uma boa dose de realidade e prepará-la de forma mais adequada para sobreviver no meio corporativo. Num cenário em que empreendedores são, em essência, otimistas, realizar a Análise SWOT é um bom recurso para manter os pés no chão e tomar medidas mais assertivas para o negócio.

Mobilizar sua empresa para fazer o levantamento de informações, realizar reuniões para discutir as questões, mapeando todos os itens dos quadrantes da matriz SWOT vai demandar tempo, paciência e organização. Mas, pode ter certeza de que sua organização vai trilhar um caminho muito mais seguro e saudável.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x